Ansiedade para a Análise Bioenergética

Para a Análise Bioenergética a ansiedade pode ser caracterizada como uma carga de energia bloqueada, capaz de produzir tensões internas que inibem a espontaneidade e resultam em uma tensão muscular crônica ou em uma flacidez muscular. Os produtos da tensão emocional se acumulam e a própria tensão impede o processo metabólico de purificação.

O objetivo principal do processo metabólico é a de reequilibrar o organismo. Esse processo só é possível porque os indivíduos são munidos de uma potência orgástica, que é um conceito criado por Reich para designar a capacidade do sujeito em se livrar do fluxo de energia biológica, a fim de descarregar a tensão energética reprimida, pois um corpo cheio de tensões não se expande em busca dos seus desejos e mesmo quando o sujeito não sente as consequências das tensões (dor e ansiedade) pode muito bem estar impossibilitado de viver uma vida prazerosa.

E como saber se um sujeito sofre ou não de ansiedade? Essa tarefa não é tão simples, pois uma pessoa não pode ser reduzida a um momento de sua história, a uma simples experiência recortada em um dado contexto, pois isso não expressa sua totalidade. Desta maneira, sentir-se ansioso antes de uma prova importante pode ser compreensível e de maneira alguma representa uma patologia. É necessário analisar a história de vida da pessoa, suas reações em variados contextos e até mesmo como ela se relaciona com o seu corpo para assim afirmar se trata ou não de ansiedade.

A história de uma pessoa, para a Análise Bioenergética, pode ser contada através do corpo, da respiração, do movimento, dos padrões de tensão. Tanto o corpo quanto as emoções, na Bioenergética, podem ser acessadas de diversas maneiras: pela leitura corporal, que busca compreender como o corpo se estrutura e de que forma sua postura, movimentos, tensões, expressões contam a sua história de vida, ou por meio de exercícios corporais específicos conectados a experiência num processo de sensibilização e conscientização corporal.

ansiedade

E como é o tratamento da ansiedade?

Para a Análise Bioenergética, um estado de ansiedade não necessariamente precisa ser eliminado, mas reduzido a níveis normais. Nesse sentido, a ansiedade pode ser utilizada pela pessoa a seu favor, a fim de estimular o aumento da consciência de si e do gosto pela vida.

Mobilizar a energia com exercícios específicos melhora não apenas a saúde física, como também o estado mental, a convivência entre as pessoas e com o meio ambiente. O grande objetivo do trabalho corporal, com exercícios específicos da Psicoterapia Corporal, é a auto-regulação, uma vez que o funcionamento humano acontece de forma integrada e coerente.

Exercícios de respiração também são fundamentais, pois esta função é responsável pela geração de energia. A ansiedade como produto de problemas interpessoais e do caos da sociedade contemporânea contribui para a escassez de oxigênio, impossibilitando uma respiração natural e profunda. De acordo com Alexander Lowen, a produção e a descarga de energia, por meio da respiração e do metabolismo são as funções básicas da vida.

Sendo assim, exercícios que intensificam a respiração, somados a movimentos corporais, como o grounding (exercício que aumenta o fluxo de energia das pernas com a intensidade do contato dos pés no chão), são essenciais para o alívio dos bloqueios energéticos/emocionais, que auxiliam a pessoa fazer contato com sua realidade básica, dando-lhe maior segurança, independência, sentimento de maturidade, autoconfiança e, portanto, ajudam na diminuição da ansiedade.

 

ansiedade

tag1

tag2

Saiba quais os sintomas da ansiedade.

Saiba também sobre Depressão aqui.

Agende uma conversa.

Abraço,

Vanessaпродвижение сайтароссийские доменные именатегправильноst forteresseнедорогие туфли танкеткекак продвигать сайт в интернете самостоятельногруппировка запросов директWPS Performance Station отзывы